Gestão de pessoas: confira um guia completo

A equipe de colaboradores é fundamental para o sucesso de qualquer negócio. Por isso, é importante que as empresas elaborem estratégia com o intuito de reter os melhores talentos e motivá-los para que as metas e objetivos sejam alcançados. Nesse caso, investir em uma gestão de pessoas eficiente deve ser parte desse processo.

Ocorre que, recrutar os profissionais mais adequados para as funções da organização e estabelecer as melhores políticas para mantê-los sempre entusiasmados e em busca dos melhores resultados é uma tarefa desafiadora para vários empresários e gestores.

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para que você entenda o que é a gestão de pessoas, suas vantagens e como implementá-la. Confira!

O que é a gestão de pessoas?

A gestão de pessoas é um conjunto de estratégias que têm como finalidade atrair, reter, fortalecer e gerenciar o capital humano de uma instituição, por meio da qualificação de profissionais e conciliação de seus perfis e funções com os objetivos da companhia. Entre suas principais finalidades estão:

  • colaborar com a empresa no alcance de suas metas;
  • assegurar que a organização possa contar com profissionais talentosos, capacitados e motivados;
  • ajudar na criação de uma cultura de alta performance;
  • estimular a aplicação de uma abordagem ética ao gerenciamento da equipe;
  • estabelecer uma relação de emprego positiva entre a liderança e time, proporcionado um ambiente de confiança entre as partes.

Assim, a gestão de pessoas deve ser aplicada pelos próprios gestores, integrando o RH como um mecanismo para atingir melhores resultados. Além disso, é necessária a aplicação de técnicas que auxiliem no desenvolvimento frequente das competências e habilidades da equipe, o que promove o desenvolvimento dos funcionários e o crescimento do negócio em geral.

Quais os seus benefícios?

Quando uma gestão de pessoas eficiente é aplicada nas instituições, independentemente de porte e ramo de atuação, consegue gerar uma série de benefícios.

Contratações adequadas

A gestão de pessoas proporciona um processo seletivo mais eficaz. Durante o processo de recrutamento e seleção há uma busca de encontrar o profissional ideal para a vaga. Contudo, um erro frequente é a falta de avaliação se o candidato está alinhado com os propósitos, valores e missões da companhia e atividades que serão desenvolvidas, resultando em trabalhadores desmotivados, o que acaba gerando baixa produtividade e prejuízos.

Gerenciamento de benefícios

Um aspecto importante para manter o engajamento da equipe é o fornecimento de benefícios. Porém, para obter resultados positivos com essa medida, é importante investir em itens que atraiam os funcionários, por exemplo, plano de saúde, descontos em estabelecimentos, bolsas de estudos, entre outros.

Por isso, adotar a gestão de pessoas na instituição vai ajudar a compreender quais são os interesses da equipe e determinar um pacote de benefícios apropriado ao perfil dela e orçamento da empresa.

Isso pode ser realizado por intermédio de pesquisas internas para saber a opinião dos colaboradores e identificar o que terá utilidade para eles. Além disso, uma ideia é elaborar ações de comunicação para apresentar as ofertas da companhia e monitorar seu uso.

Atração e retenção de talentos

A gestão de pessoas gera a melhora do clima organizacional, ofertas de benefícios atraentes e demais diferenciais que fortalecem a marca, chamando a atenção dos melhores profissionais do mercado.

Contar com esses talentos é essencial para a expansão do negócio. A retenção de talentos também evita a alta rotatividade e assegura que os profissionais qualificados e motivados permaneçam na equipe.

Alinhamento com os objetivos da empresa

Um dos principais objetivos da empresa é alcançar bons resultados, mas nem sempre isso é possível. Isso pode ocorrer por vários motivos e um deles é por falta de entendimento dos funcionários e as metas a serem alcançadas.

A falta de alinhamento da equipe é um ponto que deve ser resolvido pelos profissionais de RH, pelo setor de gestão de pessoas. Ao implementar ações de comunicação, feedback, integração de novos contratados, entre outros, é possível aumentar o engajamento do time.

É muito importante que os colaboradores compreendam o que é esperado deles, impulsionando para que eles atinjam os principais propósitos.

Aumento da produtividade

A produtividade está diretamente ligada à motivação. Entre as principais causas que levam ao estímulo da equipe, está a apresentação clara das tarefas que serão executadas e o fornecimento de treinamentos. Quando os profissionais entendem o que deve ser feito e os recursos necessários para que a função seja cumprida, evita perda de tempo com ocupações secundárias.

Já os treinamentos são necessários por melhorarem o desenvolvimento técnico dos profissionais e fazem com que eles consigam produzir em um tempo menor e sem despesas mais altas ou desperdícios.

Nesse caso, o gestor tem um papel relevante, por isso, precisa desenvolver um bom papel de liderança para inspirar e engajar a equipe, comunicar e fornecer feedbacks construtivos e importante para que os trabalhadores possam aprimorar profissionalmente.

Desenvolvimento dos funcionários

Os colaboradores trabalham em equipe para o desenvolvimento do negócio. No entanto, essa é uma via de mão dupla, tendo em vista que também é necessário capacitá-los. Por exemplo, quando um empregado é nomeado para uma nova função, depois de um tempo dentro do setor ele se torna mais qualificado.

Por esse motivo, compreender a gestão de pessoas na companhia e ter conhecimento que o investimento em capacitação e aumento da performance é uma excelente forma da organização alcançar melhores resultados. Contudo, esse aprimoramento não deve ser proposto de maneira aleatória, ele abrange análise das metas do negócio, perfil do colaborador, pontos fortes e fracos e demais aspectos.

Assim, será possível definir práticas de capacitação eficazes, voltadas para profissionais e líderes, por meio do investimento em cursos e outras ferramentas importantes para o alcance de todos os propósitos e resultados esperados.

Além disso, o crescimento da equipe deve ser monitorado com frequência, sendo mais umas das tarefas da gestão de pessoas. Desse jeito, os gestores e equipe de RH conseguirão mensurar o que deve ser melhorados e quais as melhores medidas para isso.

Melhora do clima organizacional

Com a gestão de pessoas o esperado é que o clima organizacional tende a melhorar de maneira considerável, tendo em vista que a aplicação de boas práticas eleva o sentimento de valorização, apontando a importância de cada profissional para o sucesso da empresa e o quanto o seu esforço é relevante para o alcance das metas e objetivos empresariais.

O resultado disso é a minimização dos conflitos entre empregados e liderança, bem como o aperfeiçoamento da resolução desses problemas, além de ser vantajoso para a motivação e qualidade de vida dos funcionários.

Para ajudar nesse processo, é possível utilizar mecanismos que colaboram para um bom ambiente, como uma pesquisa de clima, que possibilita que o setor de RH conheça a opinião e sugestão dos funcionários, averiguar os resultados e investir em melhoria.

Como implementar em um negócio?

Existem algumas medidas que precisam ser implementadas como forma de ter uma boa gestão de pessoas. Conheça algumas delas.

Avalie o cenário

É preciso observar a atual situação do negócio, identifique as necessidades dos colaboradores e o que deve ser aperfeiçoado. Isso pode ser executado por meio de pesquisas e implementação de canais de comunicação para que a equipe ofereça sugestões, dê opiniões e críticas.

Além disso, estude a estrutura do setor de RH para entender se o time terá condições de executar a atividade de administração de pessoal ou se novos profissionais deverão ser contratados.

Estabeleça metas e objetivos

Depois de compreender as forças e fraquezas da empresa, defina os objetivos e metas da gestão de pessoas. Por exemplo, pode ser empregada para elevar o engajamento, melhorar o ambiente de trabalho, aprimorar o desempenho, atrair e reter talentos, entre outros.

É importante entender quais são as expectativas e prazos esperados com a implementação com o gerenciamento do pessoal para acompanhar os resultados e, se for necessário, aplicar alterações no processo.

Crie um plano de ação

Existem várias ferramentas que podem ser usadas para a implementação de gestão de pessoas, por isso, é necessário determinar quais são as mais adequadas para as necessidades da empresa, sendo possível utilizar mais de uma delas, por exemplo:

  • integração dos recém-contratados: serve para alinhar as metas, valores e objetivos da organização;
  • plano de carreira: aponta a trajetória que o profissional pode ter na empresa, sendo útil para o estímulo e motivação dele;
  • fornecimento de feedback: é importante inserir a cultura do feedback na rotina da companhia, com o intuito de colaborar para o desenvolvimento do colaborador e equipe;
  • atração e retenção de talentos: nesse caso, são implementadas ações que ajude a manter os profissionais capacitados no time, como as políticas de benefícios;
  • treinamento: é necessário qualificar os funcionários para que eles possam contribuir de forma efetiva nos resultados do negócio, além de acompanhar suas necessidades de maneira mais clara e investir nas medidas mais adequadas.

Mensure os resultados

É preciso definir métricas e mensurar os resultados para entender se as ações alcançaram os objetivos esperados. Averigue os indicadores de desempenho da equipe, recrutamento e seleção, rotatividade, absenteísmo e demais.

Quais são os seus 5 pilares?

A gestão de pessoas é pautada em 5 pilares. Para garantir o êxito dessa prática é necessário conhecê-los.

Motivação

Um colaborador sem motivação tem baixa produtividade e pode deixar a companhia na primeira chance. Esse tipo de perfil não está alinhado com o que as organizações buscam atualmente, já que a motivação é um dos pontos principais da gestão de pessoas e buscada nos processos de recrutamento e seleção.

No âmbito empresarial, é necessário entender o que motiva os trabalhadores dentro dela, que pode ser uma motivação financeira, crescimento profissional, desafios que fazem parte do dia a dia, entre outros. Ou seja, existem diversos aspectos responsáveis por esse estímulo e cada um reage de uma forma diferente a cada um deles.

É necessário identificar o que a instituição tem de melhor e focar nesse ponto na hora de escolher os candidatos. Isso vai garantir, a médio e longo prazo, a motivação adequada da equipe e a melhora na qualidade dos produtos e serviços disponibilizados.

Processo de comunicação

Uma comunicação clara e objetiva é fundamental para qualquer negócio. Além disso, ela precisa ser acessível e integrada entre todos os níveis hierárquicos da organização. Nesse sentido, é preciso contar com o comprometimento da alta gestão, para que ela incentive o diálogo, rompendo obstáculos hierárquicos e atuando em conjunto com todo o time, para que assim seja possível atingir os objetivos delineados.

Trabalho em equipe

É essencial que todos compartilhem os objetivos comuns da empresa, já que a organização é única, e não faz sentido que cada área ou equipe tenha propósitos diversos. Quando é possível entender a importância do que todos estão executando, fica mais fácil sentir a importância de cada um no ambiente organizacional.

Conhecimento e competência

O sucesso de uma companhia será possível apenas se houver entendimento e competência por parte dos trabalhadores para realizar suas tarefas rotineiras. Isso é importante para formar a melhor equipe possível e constituir um ambiente laboral de desenvolvimento. Essa fase de construção também deve ser inserida no processo seletivo, composição de valores e fortalecimento da cultura organizacional.

Nesse tipo de situação, é preciso manter as práticas de gerenciamento por competências, que engloba identificar os pontos fortes e as oportunidades de melhoria no que se refere aos profissionais. Também é preciso atentar para as práticas de feedback para assegurar o retorno sobre cada função dos membros da equipe.

Treinamento e desenvolvimento

É preciso pensar em um plano de treinamento e desenvolvimento para os profissionais da empresa. Isso porque, da mesma forma que as máquinas precisam de atualização de sistema, os colaboradores precisam estar atualizados para assegurar a execução de um serviço de qualidade.

Então, o treinamento e a procura pelo crescimento devem ser frequentes e feitos em parceria com a companhia e seus trabalhadores. É essencial buscar o equilíbrio entre as necessidades da organização e de seus empregados, para que todos fiquem felizes com os resultados.

Agora que você entende o que é a gestão de pessoas, suas vantagens e como aplicá-las de maneira eficaz, é hora de colocar em prática, tendo em vista ser importante por valorizar, desenvolver e reter os melhores profissionais do mercado e, dessa forma, conseguir o reconhecimento da marca empregadoras, aumentar a competitividade e se destacar no mercado.

Este conteúdo foi útil para você? Então, aproveite para assinar nossa newsletter e ficar por dentro de todas as novidades em primeira mão!

 

 

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.